quinta-feira, janeiro 24

Record TV estreia hoje a série ‘Terrores Urbanos’, com a história da loira do banheiro

A Record TV estreia hoje a noite a série “Terrores Urbanos”, com histórias assustadoras que fazem parte de muitas lendas Brasileiras.

O primeiro episódio a ir ao ar será sobre a “Loira do banheiro”, muito conhecida e temida até hoje no Brasil. Esta lenda ganhou muita força nos anos 90, principalmente nos colégios.

Serão ao todo cinco histórias que irão ao ar sempre ás quartas feiras, por volta das 21h45 ( horário do Ceará).

A série de suspense entrou para o catálogo do PlayPlus em outubro. O elenco traz atores como Ana Kutner, André Bankoff, Fernando Eiras, Natália Lage e Rafaela Mandelli.

A exibição da série começa nesta quarta-feira e segue nos dias 3, 4, 7 e 8 de janeiro, sempre às 22h45 no horário de Brasilia.

Primeiro episódio: Loira do Banheiro
Comum nos corredores das escolas, a lenda urbana se resume na existência de uma garota loira que vivia ‘matando aula’ dentro de um banheiro da escola. Certo dia, ela sofre um acidente e morre no local, que, desde então, torna-se assombrado.

Segundo episódio: A Gangue dos Palhaços
A história teria surgido na década de 1960, quando um palhaço assassinou crianças nos Estados Unidos. Nos anos 90, o jornal Notícias Populares publicou uma série de reportagens sobre ‘Os Crimes que Abalaram o Mundo’ e, dentre as histórias, estava a do palhaço americano. Em pouco tempo, nascia mais uma lenda urbana brasileira: uma gangue de palhaços que atacava crianças em uma ‘Kombi’ e vendia os órgãos das vítimas.

Terceiro episódio: Quadro do Menino que Chora
A história é sobre o quadro pintado por Giovanni Bragoin, que seria amaldiçoado e estaria ligado a diversos acontecimentos macabros. Para conseguir fama e vender suas pinturas, o artista teria feito um pacto. Segundo o acordo, quem comprasse o quadro sofreria destruição física e emocional.

Quarto episódio: Boneco Amigão
De acordo com a lenda, um acontecimento teria levado um personagem de TV famoso nos anos 80 a produzir um brinquedo misterioso. Dizia-se que, dentro dos bonecos do personagem, havia uma faca que seria usada para matar crianças durante a noite.

Quinto episódio: O Homem do Saco
Usado pelos adultos como uma artimanha para amedrontar crianças indisciplinadas, o homem do saco se tornou um sucesso entre as famílias. A ideia é que o estranho sujeito levaria embora com ele as crianças que não se comportassem. Ainda segundo a história, as crianças capturadas virariam sabão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: