A Usurpadora e outras novelas Mexicanas vão virar séries

“A Usurpadora”, sucesso da Televisa nos anos 90, faz parte de uma lista de novelas que fizeram sucesso mundial e que a rede de televisão mexicana pretende resgatar com novos episódios. Quem comemorou com a notícia foi Gaby Spanic, que viveu Paola Bracho e Paulina Martins na trama.

A ideia da Televisa é transformar as novelas em séries de 25 episódios cada, segundo informação divulgada pelo jornal “El Universal”.

Chamado de “Fábrica de Sonhos”, a Televisa pretende levar as histórias com a mesma carga dramática que foi vista na TV, contudo, com a fórmula de sucesso dos serviços de streaming.

Na lista das novelas que serão resgatadas pela emissora estão: “Rubi”, “A Madrasta”, “Os Ricos Também Choram”, “Rosa Selvagem”, “O Privilégio de Amar”, “Coração Selvagem” e “A Usurpadora”. A lista completa contempla 12 títulos.

Gabriela Spanic, estrela da novela mexicana, comemorou o retorno da história da vilã Paola Bracho nas redes sociais. “É o romance latino mais repetido na história da TV. Em todas as partes do mundo. Gostem ou não!”, declarou.

Até aqui não foi confirmada a atriz que interpretará a grande vilã. Exibida originalmente em 1997, a novela foi transmitida no Brasil pela primeira vez em 1999, pelo SBT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top
%d blogueiros gostam disto: