Polícia Civil prende suspeito de matar travesti dentro de casa onde viviam

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e do 8º Distrito Policial (8ºDP), realizou a prisão de Francisco das Chagas Rodrigues de Souza (29), após o suspeito confessar o homicídio da travesti Flávia de Oliveira (34).

O crime ocorreu na quinta-feira (15), mas o corpo da vítima só foi encontrado na manhã do domingo (18). Francisco, que era companheiro de Flávia, praticou o homicídio com golpes de faca.

De acordo com a SSPDS,Francisco relatou que estava sob efeito de álcool e cocaína quando praticou o delito. Segundo o suspeito, o casal iniciou uma discussão em um bar e depois foi para casa, onde a briga continuou. No meio do atrito, de acordo com os relatos do suspeito, Flávia teria puxado uma faca, e ele teria revidado em legítima defesa. A arma usada no crime foi recolhida pela Polícia.

Francisco, após a ação delituosa, deixou o corpo em um cômodo da casa, local onde a vítima também mantinha um salão de beleza, no Bairro Planalto Ayrton Senna e onde os dois viviam. O homem roubou os cartões de Flávia, sacou dinheiro e passou o fim de semana em bares.

Depois que cometeu o crime, Francisco ficou escondido na casa de um amigo, mas, após perceber que a Polícia estava a sua procura, se apresentou no 8º Distrito Policial (8ºDP), sendo conduzido para o DHPP, onde foi autuado por homicídio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top
%d blogueiros gostam disto: